sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Someone's Son


Molestação sexual... vício... homossexualismo... HIV/AIDS... doença e hospitalização... morte.
Tristemente essas marcas na estrada da vida são familiares. Brenda Rhodes sabe disso muito bem. Em Someone's son, Brenda descreve como ela assistiu seu sensível e criativo filho, Ronal Paul, se auto-destruir enquanto trilhava esse caminho. Ela se sentiu sem poder para trazê-lo de volta para segurança.
Someone's son é uma biografia de tragédia pessoal, mas é mais que isso. É um relato do amor fiel de Deus por um filho pródigo. Começando com sua própria história, Rhodes escreve sem hesitação sobre os anos em que ela se afastou de Deus. Ao fim de seus recursos, ela O ouviu insistindo para que ela permitisse Ele ser Deus na sua vida e de seu filho. Ela o fez e encontrou esperança no fim da estrada.
Someone's son vai tocar seu coração, mexer com sua fé e acordar sua preocupação por aqueles que lutam com vícios e outros problemas sérios. Vai te deixar com a confidência que quando você encontrar alguém como Ronal Paul, você vai perceber que ele ou ela não é apenas mais um viciado em drogas ou portador da AIDS.
Ela é a filha de alguém - e ele é o filho de alguém.
(Sinopse retirada do blog caminho de memórias)

Someone's Son (O Filho de Alguém) é o último livro a ser ofertado pelo blogtour (clique na palavra para saber o que é blogtour) (snif'). Esse tour era pra ocorrer apenas nos EUA, mas eu acabei conseguindo ganhar o livro pra ler.

Bem, o livro conta a história de Brenda Rhodes e do seu filho Ronal Paul. É uma autobiografia. A história é forte mas não é cansativa. É um excelente livro.

Ok. Tô sendo desconexa, vou tentar fazer mais sentido. Someone's son conta a história de Brenda, de seus problemas familiares e amorosos assim como do seu realcionamento com Deus. Narra a sua luta com seu filho caçula Ronal Paul - que acabou se tornando um viciado em drogas.

Gostei de como a autora tratou os assuntos de homossexualismo, drogas e AIDS, sem julgamentos ou condenações. Apenas a realidade.

É um livro que fala sobre família, fé e amor incondicional. Livro mais que recomendado.

3 comentários:

Aline M. Gomes disse...

Oia, como tu conseguiu???
E eu não sabia que tu lia inglês, se eu soubesse... humpf

Triste que tá acabando...

Bjocas!!

Cíntia Mara disse...

Lembro que recebi o convite pra esse último tour, mas não dei muita bola porque estava decepcionada com os anteriores. Parece ser uma ótima leitura.

Beijos

Vanessa Carneiro disse...

Aline, eu pedi sem saber que era só pros EUA. Aí acabaram me mandando. Pensei que eu tinha dito que podia ser em inglês msm =p Acho que pensei e acabei não dizendo pra não mostrar que já sabia que era vc. =)
Triste snif' mto triste snif'

Cíntia, toda vez que peço tento não ficar empolgada já que pode não cjegar. Eu pedi mais pq era o último tour aí eu resolvi aproveitar e valeu a pena.