quinta-feira, 16 de janeiro de 2014

Sobre se sentir Adulto



Ontem saí pra jantar com Rayssa e Rebeca. Tava cansada de sempre que sairmos é pra ir ao cinema, praia ou lanchar rapidinho na ''esquina'', então aproveitei que as três estamos trabalhando (tecnicamente eu e Beca não estamos trabalhando no momento, mas...) e as convidei pra irmos em um restaurante jantar.
Nos arrumamos, pegamos o carro, fomos a um restaurante, jantamos ''comida'' (nada de pizza ou fast food), pedimos uma jarra de suco em vez de refrigerante, conversamos sobre trabalho, faculdade, casamento, etc e dividimos a conta. E eu cheguei em casa me sentindo um pouco mais adulta.
A Ju disse que eu já posso pegar meu diploma de adulta, mas acho que essa estrada ainda tem muito chão pela frente. Não sei se um dia eu vou me considerar uma adulta de verdade e continuo preferindo ser uma pseudaadulta a uma adulta de verdade, mas percebi que, de vez em quando, é legal bancar a adulta de verdade. 
Quero mais noites assim. 

Ps. A gente não bateu foto quando saiu e eu não queria deixar esse post sem uma foto, então tirei essa foto do site do resturante. :p

2 comentários:

Aline Gomes disse...

kkkkk às vezes faço umas assim e vou pro cinema sozinha, ou pra um restaurante sozinha... Nesses momentos me sinto mega adulta e estranha.
Tenho medo de acordar um dia e descobrir que sou como a Sofia de o "O Mundo de Sofia" kkkkk, mas estou divagando...

Rebeca Ewerton :* disse...

Amiga! Não sabia que tu tinha feito um post sobre nossa saída. Foi realmente muito bom. Algo diferente, apesar de ser nós três. Precisamos repetir!