domingo, 6 de março de 2011

Meme - Eu pelo Avesso

Depois de tanto ouvir ler as #bandidas falarem de um tal de Felipe Fagundes e do Fechei com Ele, eu resolvi conhecer o blog do Felipe. Resultado: mais um blog pra ler pelo reader. Esse meme que vou fazer agora foi justamente do fecheicomele. Eu já o tinha visto no blog de algumas das bandidas. Consiste basicamente em escrever um texto falando o que você não é.


Então vamos lá, vamos falar de mim agora. Pra começo de conversa eu gostaria de dizer que eu odeio ler. Quer me ver triste? É só me dar um livro de presente. Pra quê que eles servem? Alguém pode me explicar por favor? Também não suporto escrever. Coisinha mais chata: ficar digitando um monte de coisa num computador, ou pior ainda, num papel! Que coisa mais retrógada! Também não sou fã de assistir filmes nem de ir ao cinema. E não curto seriados de televisão. Pra ser sincera eu não curto séries em geral. Qual é a graça de ficar lendo ou assistindo uma coisa atrás da outra presos em uma história sem fim!? Eu realmente não tenho paciência pra isso.

Não costumo ouvir muita música, principalmente quando estou ocupada fazendo alguma outra coisa. Além disso tenho um gosto musical bastante restrito, gosto particularmente de forró, axé, pagode e reggae. Eu quase não ouço músicas que não sejam em português, e tenho uma repulsa por certos cantores e bandas que eu acho insuportáveis. Alexz Johnson, Colbie Caillat, Joyce Jonathan são três cantoras antipáticas e com músicas pouco criativas. O mesmo pode-se dizer se uma tal de Sandy Leah e um grupo chamado O Teatro Mágico (eeeca!). E vocês já ouviram falar de uma tal de Francesca Battisteli? As músicas dela são muito chatas. Mas o pior é uma banda chamada Barlow Girls. Elas deveriam ser excomungadas postas em disciplina por cantarem músicas com letras tão... tão... realistas! Como alguém pode não só admitir, mas cantar que seria capaz de escolher a própria vida ao invés de Jesus Cristo!? Eu nunca faria uma coisa dessas! Até porque eu sou perfeita demais pra cometer um erro desses.

Outro ponto ao qual eu queria chegar: eu sou perfeita. Apesar de muitas pessoas me dizerem o contrário... acho que é porque eu não tenho cara de menininha, boazinha, certinha e inocente. Além disso a minha vida também é perfeita, eu vivo em um mundo cor-de-rosa. Mas as pessoas vivem dizendo que parece o contrário, mas será que elas querem mesmo que eu deixe transaparecer cada coisinha que me alegra e que torna meu mundo tão cor-de-rosa!? Ah! Eu preciso admitir que eu AMO quando me colocam em um pedestal, faço questão disso.

E falando nos outros... eu preciso confessar que sou anti-social. Não vou com a cara de ninguém. Sou extremamente dífícil de se consquistar a não ser romanticamente falando, nesse caso a situação é completamente diferente. Eu me apaixono com muita facilidade e eu vou dar uma dica: é só o garoto me dizer que eu sou perfeita que ele me ganhou! Adoro ficar. Afinal, pra quê se guardar, pensar em casamento, filhos, família se eu sou jovem e livre? Pra quê namorar e me prender a uma pessoa se eu posso ficar com quantos eu quiser sem compromisso algum? Prefiro curtir minha liberdade sem me preocupar com as consequências, afinal de contas, só se vive uma vez, certo?

Outras coisas que vocês têm que saber sobre mim é que eu não gosto de conversar, falo muito pouco e muito baixo. Minhas amigas vivem pedindo pra eu falar mais alto.  Ah! E eu como muito também (mas quase não bebo água). Pricipalmente arroz. Eu AMO arroz, especialmente se ele estiver soltinho, porque arroz pacho ninguém merece, neh!? Aquela coisa grudenta e inchada é ruim demais. Apesar de gostar de comer muito eu quase não como besteira. Pizza, cachorro-quente, biscoito etc não são comigo. Aliás, biscoito é coisa de criança e eu já sou uma adulta de verdade. Isso significa que eu não gosto de assistir desenhos animados, de ler HQ's, ler livros ou ouvir músicas infantis. Pra falar a verdade eu nem gosto de criança.

O que mais eu posso dizer? Ah! Eu sou o tipo de pessoa que sempre se deixa levar pela vida e pelas pessoas também. Eu não sou controladora ou perfeccionista e adoro quando alguém mexe nas minhas coisas. E apesar de ser uma pessoa desorganizada eu sou altamente ordeira (nada contraditório hein?). Eu não sou teimosa e também sou incrivelmente concentrada.

Sou uma pessoa que se chateia por tudo e quase não fica com raiva. Eu choro muito fácil também, principalmente na frente dos outros, essa coisa de ficar chorando à noite sozinha no quarto não é pra mim. Eu também acho muito fácil tomar decisões, sempre peço ajuda de várias pessoas e não surto nadinha quando preciso decidir uma coisa importante.

Outra coisa que você precisa saber sobre mim é que eu tomo remédio por qualquer coisinha. Essa mania masoquista de esperar a dor ficar insuportável ou a cara começar a inchar por causa de alguma alergia não serve pra mim. Apesar disso eu nunca ando com remédio na bolsa. Eu ando com quase nada na bolsa pra falar a real.

E pra finalizar, só mais alguns detalhes. Eu não gosto de viajar nem de dançar. E gosto tanto de assistirr quanto de jogar futebol. Eu odeio matemática e cálculos no geral, mas sou apaixonada por estudar teorias. E também não gosto de aprender outros idiomas, coisa mais chata isso. É... acho que é só isso.

Ah! Faltou uma coisa: esqueci de dizer que não acredito em Deus e que acho a maior besteira essa história de que Ele enviou seu filho Jesus pra morrer por nós. Pronto! Agora acabei.


8 comentários:

Vanessa Carneiro disse...

Quase tão divertido de escrever quanto "Adultos de Verdade", mas devo confessar que a pessoa acima me deixou assustada. auhsuh

Cíntia Mara disse...

Barlow Girl é muito ruim! Tocam mal, cantam mal e fazem essas letras totalmente verdadeiras. Detesto.

E essa pessoa perfeita é meio assustadora mesmo. E nada contraditória, né? hahahah

Aline M. Gomes disse...

hehehehe
Muito massa, o meu rascunho tá pronto. Aviso pelo twitter qdo postar...

Italo Silva disse...

então esse realmente é o teu lado cisne negro, hein? vany, se tu realmente fosse o teu avesso nó nunca nos aproximariamos, te juro hsushushushushaushaushua bjão te amo

isaac_pviana disse...

rsrsrs...de fato,ver o mundo pelo avesso nos faz conhecer melhor quem somos.Muito bom isso!!!

Rebeca Ewerton :* disse...

- Então.. Essa que escreveu não é Vanessa e eu não a conheço. Sem mais a declarar.

Ivinha disse...

Também fiquei com medo do meu avesso. Mas também achei legal

Raul disse...

Merece um unico comentario:
AAAA THA! ksksksk!